PLANTAS MEDICINAIS

As plantas consideradas medicinais, contém substâncias bio-ativas com propriedade terapêuticas, profilática e paliativa, conhecidas desde os tempos remotos. Essas plantas são utilizadas pela medicina atual, chamada fitoterápia e suas propriedades são estudadas nos laboratórios farmacêuticos, a fim de isolar as substâncias que lhe conferem propriedades curativas. Muitas destas plantas são venenosas ou tóxicas, devendo ser usadas em doses muito pequenas para terem o efeito desejado. Toda a planta, mesmo alimentícia, pode ser potencialmente tóxica dependendo da dosagem.

PASSE O CURSOR SOBRE A FOTO PARA LER (NÃO CLIQUE)

TEMÁTICA

As plantas medicinais são utilizadas pela medicina atual (fitoterapia). Entretanto, a planta “in natura” ou pré porcessada utilizada pela população sem recomendação médica é uma prática denominada “Medicina Popular” e obviamente tem seus riscos, como a dificuldade em se estabelecer dose, posologia e, em alguns casos, a verdadeira identidade de algumas espécies.

Desta forma, este espaço apresenta o uso das plantas medicinais como alternativa terapêutica e para tanto, deve ser acompanhada por um profissional da saúde.



LED Scroller Generator

As informações aqui contidas não têm caráter de aconselhamento e muito menos de diagnóstico, apenas informativa. Consulte sempre um profissional da saúde para qualquer tipo de informação.

14 de jul de 2009

MAÇÃ - Malus domestica Borkh - Propriedades Medicinais - 09


Flor da maçã

Maçã

Fruto para ser colhido

Variedades

Plantação (macieiras)
MAÇÃ
FAMÍLIA: Rosaceae.
NOME CIENTÍFICO: Malus domestica Borkh.
NOMES POPULARES
Maçã (macieira) Starkinson, New Zealand, Golden, Hungara, Red Del, Red, Granny Smith, Anna, Eva, Brasil, Fuji, Gala, Melrose.
PARTES USADAS - Folhas e frutos.
PRINCIPIOS ATIVOS
Pectina, Taninos, Ácido málico e Flavanóides
PROPRIEDADES TERAPÊUTICAS
Digestivo, adstringente, antiinflamatório, calmante, vermífugo, diurético, emoliente, laxante, refrescante, laxatixa, esfoliantre e antioxidante.
INDICAÇÃO
Eiminação de toxinas do sangue; escorbuto; gripes; intestino preguiçoso; pele cansada, desidratada e congestionada; prisão de ventre; problemas digestivos; proteção da mucosa; retenção de líquidos; reumatismo; tensão nervosa; arteriosclerose
DESCRIÇÃO BOTÂNIICA
A macieira é uma frutífera típica de clima temperado, da família Rosaceae, com pequena exigência de frio, apresentando-se apta para produzir satisfatoriamente em condições de inverno brando. A árvore chega a 10 metros de altura. Possui tronco de casca parda, lisa e copa arredondada. As flores são brancas ou róseas, e aromáticas. Fruto globoso com uma profunda depressão no ponto de inserção da haste, que o prende aos ramos.e coloração vermelha ou verde, pode apresentar pequenas manchas esverdeadas ou amareladas
ORIGEM: Ásia Central e das regiões do Cáucaso. Da Europa foi trazida ao Brasil, aclimatou aos Estados do Sul.
morfologia da maçã
COMPOSIÇÃO
100 gramas contem em média
Calorias .....................................................63,29 cal
Água............................................................... 84,40 g
Carboidratos........................................................ 13,20 g
Proteínas....................................................... 0,40 g
Gordura................................................. 0,50 g
Fibras.................................................1,0 g
Potássio ................................................127,00 mg
Fósforo............................................ 12,00 mg
Sódio................................................. 11,00 mg
Magnésio................................................ 8,00 mg
Enxofre...................................................... 7,00 Mg
Ferro............................................................. 1,00 mg
Cobre.....................................0,10 mg
Silício.......................................... 4,00 mg
Vitamina A...............................40 U.I.
Vitamina B1..................................... 45,00 mcg
Vitamina B2................................. 100,00 mcg
Vitamina B5...................................... 0,50 mg
Vitamina C.......................................... 8,00 mg

DINÂMICA FISIOLÓGICA DOS COMPONENTES
*Fósforo: para o cérebro e a memória
*Cobre, Ferro e Lípideos: para o coraçãoe o sangue
*Fibras (celulose): para a digestão e intestinos
*Potássio: para os rins
*Cálcio: para os ossos
*Carboidratos: para os músculos
*Vitaminas A,B,C Sódio: para todo o organismo
MODO DE USAR E INDICAÇÃO
*Catarro Pulmonar
Cozinhar a maçã, bem picada, em um pouco de água e mel. Filtrar. Tomar o caldo quente às colheradas, várias vezes ao dia. Substituir algumas refeições por maçãs cruas, exclusivamente.
*Constipação Intestinal
Comer maçãs cruas com casca , bem lavadas, juntamente com mamão, mel de abelha e pão integral torrado. Mastigar bem. Comer também as sementes da maçã.
*Palpitações do Coração
Comer purê de maçã com um pouco de mel em substituição de algumas refeições. Esmagar com garfo a polpa de maçã cozida e acrescentar mel puro.
*Diarréia
Cozinhar maçãs e tomar o caldo. Fazer refeições de maçã cozida com torrada.
Comer também maçãs crua.
*Laringite
Recomenda-se usar maçãs frescas raladas ou suco de maçã durante a fase aguda.
*Obesidade
Passar vários dias só a maçãs, ou substituir refeições normais por maçã.
*Olhos, Inflamações dos
Lavar os olhos duas vezes ao dia com algodão embebido em suco de maçã ácida.
Pode-se fazer cataplasmas com maçãs maduras raladas.
Fontes;
Wikipédia
Portalnatural.com.br
Portal São Francisco
Sociedade Brasileira de Diabetes
Formatação e pesquisa: Helio Rubiales

Nenhum comentário:

Postar um comentário