PLANTAS MEDICINAIS

As plantas consideradas medicinais, contém substâncias bio-ativas com propriedade terapêuticas, profilática e paliativa, conhecidas desde os tempos remotos. Essas plantas são utilizadas pela medicina atual, chamada fitoterápia e suas propriedades são estudadas nos laboratórios farmacêuticos, a fim de isolar as substâncias que lhe conferem propriedades curativas. Muitas destas plantas são venenosas ou tóxicas, devendo ser usadas em doses muito pequenas para terem o efeito desejado. Toda a planta, mesmo alimentícia, pode ser potencialmente tóxica dependendo da dosagem.

PASSE O CURSOR SOBRE A FOTO PARA LER (NÃO CLIQUE)

TEMÁTICA

As plantas medicinais são utilizadas pela medicina atual (fitoterapia). Entretanto, a planta “in natura” ou pré porcessada utilizada pela população sem recomendação médica é uma prática denominada “Medicina Popular” e obviamente tem seus riscos, como a dificuldade em se estabelecer dose, posologia e, em alguns casos, a verdadeira identidade de algumas espécies.

Desta forma, este espaço apresenta o uso das plantas medicinais como alternativa terapêutica e para tanto, deve ser acompanhada por um profissional da saúde.



LED Scroller Generator

As informações aqui contidas não têm caráter de aconselhamento e muito menos de diagnóstico, apenas informativa. Consulte sempre um profissional da saúde para qualquer tipo de informação.

29 de set de 2009

KIWI - Actinidia deliciosa - Propriedades Medicinais - 45





Flor feminina

Flor masculina

Fruto cortado

Fruto
KIWI
FAMÍLIA: Actidiniáceas
NOME CIENTÍFICO: Actinidia deliciosa
SINÔNIMIA: Actinidia chinensis
NOME POPULAR: quiui ou quivi (Brasil), Kiwi fruit e chinese goosebery (groselha) na Nova Zelândia, e mihoutao e yangtao na China.
PARTE USADA: Fruto
PRINCÍPIO ATIVO
Potássio, magnésio, cobre, ferro e fosfato. Além disso, é fonte de niacina, fibras e vitaminas C, E e B6.
PROPRIEDADES TERAPÊUTICAS
Anemia, cansaço físico e mental, debilidade orgânica, digestão difícil, fadiga e fraqueza generalizada.
INDICAÇÕES
*Em estudos feitos pela FDA (Food and Druy Administration-US), orgão que controla os medicamentos e alimentos nos Estados Unidos, o kiwi foi comprovado como uma excelente fonte de vitamina C e uma boa fonte de vitamina E, potássio e fibras dietéticas.
*Possui pouca gordura e nenhum colesterol. Possui capacidade antioxidante, efeitos anticancerígenos, efeitos anti-inflamatórios e leves efeitos laxativos.
*Um kiwi médio tem 138mg de vitamina C e considerável quantidade de vitamina E, que junto com vitamina C pode reduzir o risco de câncer, de doenças artério-coronarianas e melhora o sistema imunológico.
*Possui também três nutrientes essenciais para o organismo: fosfato, magnésio e cobre. Possui quantidades menores de outros nutrientes como vitamina B6, niacina, vitamina A –que reproduz as células, agindo no combate às rugas da pele, riboflavina, cálcio, zinco, ferro e ácido pantotênico, fósforo e os aminoácidos glutamato e arginina. As categorias principais de fitoquímicos encontrados no kiwi incluem B-caroteno, compostos fenólicos e flavanóides, entre outros, que possuem capacidade antioxidante. É uma das poucas frutas de coloração verde quando madura, sendo a clorofila responsável pela cor verde.
*A clorofilina, derivada da clorofila, é um potente inibidor da Aflotoxina B1, substância cancerígena.
*Entre os elementos minerais é rico em cálcio, magnésio, ferro e especialmente potássio-contribui para equilibrar a tensão arterial-, que aumentam as defesas do organismo na prevenção das gripes e resfriados. Quantidades razoáveis de fibras solúveis, auxiliam a diminuição dos níveis de colesterol no sangue.


Frutos maduros
DESCRIÇÃO BOTÂNICA
A planta é conhecida como Actinidia chinensis, Planck, Dicotyledonea, Actinidaceae;
É planta trepadeira que necessita de tutoramento (como a parreira); é dióica (flores masculinas e femininas em indivíduos diferentes). O pomar de kiwi deve ter um mínimo de nove plantas, seis a oito plantas femininas e uma masculina plantada no centro (esta serve de polinizadora). Os períodos de floração das plantas masculinas e femininas devem estar coincidentes para assegurar a fecundação. A raiz da planta é fasciculada.
O fruto tem cor externa marrom; a cor interna varia do verde ao amarelo. O fruto de alguns cultivares apresentam cor avermelhada ao redor da semente. O formato do fruto é variado; segundo a cultivar (variedade) pode ser redondo, ovóide ou alongado, coberto com pelos também de tamanho variado. Fruto pode pesar até 100g.
Os frutos dos cultivares mais comuns são ovais, com o tamanho aproximado de um ovo de galinha (5 a 8 cm de comprimento e 4.5 a 5.5 cm de diâmetro). O fruto tem uma casca fibrosa, baça, castanho-esverdeada que recobre uma polpa verde brilhante ou verde-amarelada que contém fileiras de pequenas sementes negras comestíveis. Quando maduro o fruto é sumarento e macio, com um paladar e cheiro muito característicos.
ORIGEM: Sudeste da China
COMPOSIÇÃO
100g. de polpa de fruto é:
• proteína..................................... (1g.)
• carboidratos............................ (15g.)
• fibra............................................ (1g.)
• Vit. A........................................ (17g.)
• Vit. C........................... (80-300mg.)
• ferro....................................... (0,4g.)
• cálcio .......................................(26g.)
• sódio .......................................(5,2g.)
• magnésio................................ (30g.)
• potássio....................... (280-340g.)
• fósforo.............................. (20-40g.)
Formatação e pesquisa: Helio Rubiales
www.seagri.ba.gov.br
www.kiwifruta.hpg.ig.com.br
pt.wikipedia.org

Nenhum comentário:

Postar um comentário